Os portugueses ficaram muito perto da medalha de ouro
Foto: Darren Whiteside/Reuters

Fernando Pimenta comemora a medalha de prata
Foto: Darren Whiteside/Reuters

Os portugueses seguiram na luta pelas medalhas durante toda a prova
Foto: Damien Meyer/AFP

A alegria dos novos medalhados olímpicos portugueses
Foto: Adrees Latif/Reuters

A dupla portuguesa no momento da consagração
Foto: Jim Young/Reuters

K2 1000m

Medalha de prata para Portugal na canoagem

Fernando Pimenta e Emanuel Silva ficaram em segundo lugar na final de K2 1000 metros na canoagem e conquistaram a primeira medalha para Portugal em Londres 2012. A dupla terminou a apenas 53 milésimos do ouro.


Os portugueses seguiram na luta pelas medalhas durante toda a prova, mas na parte final aproximaram-se mesmo do ouro, tendo terminado a apenas 53 milésimos do primeiro lugar. A dupla portuguesa gastou 3.09,699 minutos e foi apenas batida pelos húngaros Rudolf Dombi e Roland Kokeny (3.09,646). Na terceira posição ficaram os alemães Martin Holstein e Andreas Ihle (3.10,117).

Esta é a 23.ª medalha olímpica de Portugal (1.ª na canoagem) e 8.ª de prata.

Em declarações aos jornalistas no final da prova, os canoístas portugueses agradeceram o apoio e dedicaram a medalha "à família mais próxima" e "aos amigos".

"Nós avisámos que vínhamos para lutar pelas medalhas", frisou Emanuel Silva. O canoísta disse que o segundo lugar na final olímpica é "o culminar de muito trabalho".

A receita? "Lutar, acreditar e saber que tudo é possível." O atleta agradeceu ainda o apoio que lhes chegou através das redes sociais: "Foi uma energia vinda de lá."

O seu parceiro Fernando Pimenta comentou que a dupla já sabia que na parte final "ia ser quase para desmaiar". Apesar da natural satisfação por ter contribuído para a conquista da primeira medalha de Portugal em Londres 2012 e a primeira medalha olímpica da canoagem portuguesa, Fernando Pimenta salientou: "Não saio daqui completamente feliz e realizado", numa referência ao facto de terem ficado muito perto da medalha de ouro.

Fernando Pimenta, de 22 anos, e Emanuel Silva, de 26, foram a tripulação mais jovem da final olímpica.

Os principais nomes da canoagem portuguesa

Campeão europeu de juniores em 2007 (K1 1000) e de sub-23 em 2009 (K1 1000) e 2010 (K2 500), Fernando Pimenta acumulou ainda vários outros lugares no pódio e é uma das grandes figuras da canoagem portuguesa. Em 2011, venceu três provas da Taça do Mundo, mas o grande resultado obtido no ano passado foi mesmo a vitória no Campeonato da Europa em K4 1000, juntamente com Emanuel Silva, João Ribeiro e David Fernandes.

O jovem nascido em Ponte de Lima representa o Clube Náutico de Ponte Lima e acumula a canoagem com os estudos universitários, frequentando o 2.º ano do curso de saúde.

Emanuel Silva também é minhoto (nasceu em Braga), trocou o Clube Náutico Prado pelo Sporting em Dezembro do ano passado e também frequenta o ensino superior, estudando enfermagem.

Com 18 anos, Emanuel Silva foi o único representante português na modalidade em Atenas 2004 e obteve então a segunda melhor classificação de sempre da canoagem nacional, ao terminar em 7.º no K1 1000m, apenas atrás do 6.º lugar de José Garcia em Barcelona 1992 (K1 1000).

Já foi campeão europeu (K4 1000, em 2011), bicampeão europeu de sub-23 (K1 1000, em 2006 e 2007) e campeão do mundo de juniores (K1 500m, em 2003), além de somar outros lugares no pódio em grandes competições.

Notícia actualizada às 12h55

Artigos relacionados